quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Mudámos de casa para outra Casa Verde!!!!!!

Olá!

Que saudades de atualizar o blog!
Foram as férias em mudanças!
No dia em que saímos do Alentejo, o carro ía cheio até ao tejadilho, como podem ver.


Faltou dizer que para além das plantas que se vêm aos pés do João, a caixa de cartão branca que se vê no lugar de trás tinha um galo, ainda havia outra com uma galinha e a caixa da gata maria.
Somo "aciganados" mas felizes :)

Mas esta nem era a primeira carrada, nem a última. Sim, porque as mudanças ainda não estão concluídas!
Aproveitamos para agradecer a todos (e são muitos!) os que estão envolvidos na nossa mudança de coisas do alentejo para a serra!
Bem hajam! Bem hajam!  Bem hajam!  Bem hajam! ...

Continuando, mudámos para a terra natal do João, na Beira Serra, Serra do Açor, Concelho de Oliveira do Hospital, Distrito de Coimbra.
Estamos em Chão Sobral, o da TV Chão Sobral, que já conheciam do blog e dos primeiros estágios de permacultura.

Por uma grande coincidência a casa onde temos a sorte de morar também tem uma risca verde. 
Conseguem ver-nos a espreitar à janela da cozinha?

 
Que feliz coincidência! Ficámos mesmo entusiasmados, tudo batia certo!
E estamos super animados por darmos continuidade ao blog, mantendo exatamente o mesmo espírito!

Como podem ver atualizámos o nome do blog para "Casa Verde na Serra".

Aqui vivemos integrados na natureza e obtemos grande parte do que precisamos da "nossa quinta".

E, não tinha ritmo para esta vida de camponesa, mas já acordo às 6h da manhã sem despertador!
Depois de beber um copo de água vou ordenhar as cabras e levá-las ao pasto.
Chego a casa e ponho o queijo a coalhar, em frente daquela janelinha que vêm na foto :)

Entretanto, o João foi ceifar erva ou milho ou foi buscar podas de  árvores para as cabras.
Só depois tomamos o pequeno almoço, já com uma larica!!!

No fim já o queijo coalhou e faço queijo e requeijão antes de sair de casa :)

Depois o que se segue é muito variado:
Agora é tempo de ir à lenha, mas que carradas de lenha!
Vejam bem!!!


Isto foi só no primeiro dia, já temos o dobro e ainda temos mais 5 dias de trabalho por lá.


São giestas gigantes! Algumas devem  ter 7 metros de altura.
Depois fazemos a reportagem.

Mas também pode ser ir ao mato para pôr na loja das cabras, ou fazer sementeiras, tirar estrume das capoeiras e das lojas das cabras, regar, cortar fetos, etc, etc, etc, etc.

Depois do almoço, pelo calor (mas qual calor? que saudades dos 40º, isto por cá anda muito fresco. Bom! continuando...) fazemos uma pausa e é quando vimos à net, planeamos atividades ou quem consegue  dorme a sesta.
Como eu não consigo, ando cheia de sono, mas já me vou habituando.
Em compensação, dizem que me ajeito a fazer as coisas do campo; o que me deixa muito contente, porque nestas lidas sinto-me completamente analfabeta.

Ao fim de tarde, é a mesma azáfama e o dia acaba coma tarefa de ir buscar as cabras para a loja.
Janta-se uma sopa e cama, ufa!!!

Agora, com agosto a terminar, depois da família do João por cá ter passado em férias, já o ritmo normalizou e começamos a planear atividades.

Para começar vamos retomar os dias da permacultura e os estágios, dando continuidade ao trabalho que já desenvolvíamos, mas agora com contornos muito mais práticos e integrados no nosso ritmo diário!

E pronto!
Qualquer pergunta não hesitem em fazer, adoro contar pormenores :)

Posto isto, estão convidados a passar por cá quando andarem por estas bandas!
Estamos desejosos de ter cá visitas para mostrar o que fazemos, mostrar as lindas paisagens, conhecerem a a nossa família e certificarem a qualidade das coisinhas boas que vamos continuar a levar para Lisboa.

Beijnhos dela e abraços dele
Mónica e João



Sem comentários:

Enviar um comentário